abr 18

Programa Palavra de Fé 02 – Sexta-Feira Santa

No segundo programa, Pe. Paulo Marcelo nos convida a uma reflexão sobre a Sexta-feira da Paixão.

Participe do nosso programa enviando suas dúvidas para o email: redacaopalavradefe@gmail.com.

abr 16

Semana Santa 2014

13/04 – Domingo de Ramos

001Com o canto antífonal “Pueri Hebraeorun” (Filhos dos Hebreus), executado pela Orquestra Lírica para Motetos (Lira Nossa Senhora das Dores) deu-se início à Semana Santa 2014 uma das maiores representatividades da Fé Católica, quando procura rememorar os últimos passos de Jesus a Caminho de Sua morte e ressurreição. Vale ressaltar que antes desses momentos supremos houve muitos momentos reflexivos, através das Vias Sacras tradicionais (no interior da Igreja Matriz e através das ruas: Capela N. S. do Rosário à Igreja Matriz N. S. das Dores), da Campanha da Fraternidade tendo como escopo o tema: Fraternidade e Tráfico Humano _ É para a Liberdade que Cristo nos Libertou, ficando essa a cargo da Pastoral Familiar e pelo Setenário das Dores de Nossa Senhora realizado na Matriz N. S. Das Dores, quando Pe. Paulo Marcelo, através de suas belas e profundas homilias conseguiu arrebanhar uma multidão de fiéis, nos sete dias. Tendo nas mãos ramos verdes, tal qual aos hebreus (que ostentavam ramos de oliveira às portas de Jerusalém ante a entrada triunfal de Jesus) a procissão de fiéis seguiu em direção à Matriz, para o encerramento da Missa Festiva, que iniciou-se na Capela N. S. do Rosário. Sendo que o diálogo do Evangelho foi representado por várias vozes, relacionado à visão que Jesus teve do futuro iminente que o aguardava , consoante à festividade que estava acontecendo.

À noite, após a Missa das 19:00 h aconteceu o depósito do Senhor dos Passos da Matriz N. S. das Dores à Capela N. S. do Rosário, terminando o cerimonial com a imagem sendo incensada pelo Pe. Paulo Marcelo ao som do Moteto dos Passos executado pela Orquestra Lírica para Motetos (Lira N. S. das Dores).

14/04 – Segunda-Feira Santa

Apesar do tempo prenunciando chuva a Capela Nossa Senhora do Rosário, logo cedo, mais precisamente às 07:00 h, se encontrava repleta de fiéis para a participação da Santa Missa, quando de maneira competente o Pe. Paulo Marcelo exaltou a mensagem contida na Primeira Leitura Is 42, 1-7 e do Evangelho Jo 12, 1-11, que Jesus, sempre, se fará presente em nossas vidas. Em seguida deu-se início à Rasoura de Nosso Senhor dos Passos (pequena procissão em torna da Capela) musicada por uma comovente Marcha Fúnebre, executada pela Lira Nossa Senhora das Dores.

Dando sequência, às 09:00h foi celebrada a Missa para os enfermos , quando o Pe. Paulo Marcelo exaltou, comoventemente, a visita de Jesus à casa do amigo, nos mostrando com isso, que devemos resgatar em nós essa prática, pois na mesma podemos conhecer as aflições de um ente querido e socorrê-lo fazendo-nos partícipes do seu sofrimento, no intuito de atenuá-lo.

À noite, apesar da chuva iminente, que se insinuava pelo vento frio, começa a procissão, quando Nosso Senhor dos Passos rumava ao encontro de Nossa Senhora, através da calçada molhada, onde da mesma não se vislumbrava janelas abertas, apenas um silêncio, entrecortado pelo som das Marchas fúnebres. Em meio ao trajeto a chuva se fez presente, fazendo com que a procissão fosse direta para a Matriz. Após a execução de um Moteto (Lira Nossa Senhora das Dores), Pe. Saulo José Alves, no alto do púlpito, começa uma profunda e competente reflexão sobre as cenas: do Encontro e do Calvário salpicadas de biligualidade Latim/português, para expor de maneira precisa e comovedora a razão irracional, para muitos, da sordidez humana “Ecce homo! Venit hora ut clarificetur filius hominis!” (Eis o Homem! É chegada a hora em que o filho do homem vai ser glorificado!). Do presbitério Jesus, na Cruz, acompanhado de Maria Santíssima, Maria Madalena, João e pela representatividade do jugo romano olhava ternamente a turba de fiéis, que se fazia presente.

Parabéns Pe. Saulo, pelo comovente sermão! Obrigado Pe. Paulo, por conceder ao seu rebanho reflexão tão profunda!

15/04 – Terça-Feira Santa

Apesar do frio causado pela forte chuva do dia anterior a Matriz Nossa Senhora das Dores se fez cheia de fiéis na expectativa de ouvir mais uma bela homilia proferida pelo Pe. Paulo Marcelo, que de forma competente contrapôs o Evangelho Jo 13,21-33.36-38 aos dias atuais, quando a torpeza e a vilania se fazem presentes nas relações humanas, tal qual às pressentidas por Jesus e confidenciadas ao discípulo João na Instituição da Eucaristia.

À noite, na Celebração da Penitência para os Casais, Pe. Paulo Marcelo usou da sutileza do humor, para tratar de assuntos sérios que envolvem a vida em comum dos casais, tornando leve o que era grave. Asseverou, com propriedade, que o pecado inserido na trivialidade do dia a dia, através da omissão, do mascaramento de problemas é o grande fator para a implosão das relações pessoais e, por conseguinte, familiares.

Já na Missa Festiva da Páscoa para Casais e Viúvos exaltou, mais uma vez, tal qual pela manhã, que é a ambição desmedida que leva à degradação humana, através das artimanhas da mentira, da traição e mostrou que o fator curativo para todo esse mal será uma vida de oração dentro da Família e a busca pelo equilíbrio moral, através do estreitamento franco das relações. Ao que foi ratificado de forma brilhante pelo Casal: Sra. Sueli do Deca e Sr. Zé do Canela (perfazendo um período de vida em comum de 44 anos). Vale ressaltar o brilhantismo do evento ao casal: Sra. Vilmara e Sr. Wellington (Coordenadores da Pastoral Familiar), que a todo o momento distribuíram rosas brancas aos que participaram, ativamente, dessa Cerimônia Festiva. Ao final todos os casais, que casaram no mês de abril, foram convidados a subirem no presbitério para a benção.

Findada a Missa começa o cortejo do depósito de Nossa Senhora das Dores em direção à Capela Nossa Senhora do Rosário, abrilhantada pela Sociedade Musical São Sebastião. Uma vez, que a Imagem de Nossa Senhora chegou à referida Capela, a Mesma foi incensada ao som do belo Moteto de Nossa Senhora das Dores: O vos omnes qui transitis per viam / Attendite et videte si est dolor sicut dolor meus…(Óh vós que passais pelo caminho / Tomai cuidado e vê se há dor como a minha dor…) executada pela orquestra de Moteto da Sociedade Musical São Sebastião sob a batuta do jovem e competente maestro Silas Silva.

Mais uma vez a Fé se fez realçar em Dores de Campos.

abr 11

Palavra de Fé 01 – Participação do Bispo Dom Célio

Na estreia do Palavra de Fé, o nosso Bispo Dom Célio participa convidando todos os internautas a participarem do programa e também comenta sobre a visita pastoral realizada entre os dia 03 e 06 de abril.

Participe do nosso programa enviando suas dúvidas para o email: redacaopalavradefe@gmail.com.

abr 04

Visita do Bispo Dom Célio

0903 de abril – Quinta-Feira

Inicialmente o Sr. Bispo Dom Célio acompanhado do Pe. Paulo visitou o Centro Educacional Wanderley Arruda que possui cerca de 140 alunos de várias faixas etárias. Pe. Paulo apresentou o Bispo aos alunos e falou sobre a importância da visita dele em nossa paróquia. Com a palavra, Dom Célio explicou as funções de um Bispo e o que é uma diocese. Também falou sobre a importância da escola e que a família é a nossa primeira escola. Convidou a todos para uma oração pedindo pelos alunos, professores e funcionários. As crianças agradeceram a presença do Bispo com uma salva de palmas. Leia mais »

mar 22

Programação da Visita Pastoral do Exmo. Sr. Bispo D. Frei Célio de Oliveira Goulart

bispo_dom_celio 1ª Visita Pastora da S. Exa. Revma. D. Frei Célio de Oliveira Goulart

Bispo Diocesano de São João Del Rei

De 03 a 06 de abril de 2014

Paróquia de Nossa Senhora das Dores – Dores de Campos

 

Programação

Dia 03 de Abril – Quinta-Feira – Abertura da Visita Pastoral

14:00h: Visita ao CEWA

16:00h: Visita à APAE

19:00h: Celebração da Santa Missa com a participação de todos os Movimentos e Pastorais da Paróquia

 

Dia 04 de Abril – Sexta-Feira

09:00h: Visita à Escola Estadual Duque de Caxias

11:00h: Programa na Rádio Atrativa FM

14:00h: Visita às Escolas Municipais no Prédio da Escola Municipal Randolfo Teixeira

16:00h: Visita à Prefeitura Municipal (Encontro com autoridades e funcionários)

18:00h: Reunião do Apostolado da Oração – 1ª Sexta-Feira

19:00h: Santa Missa na Capela do Rosário e logo após a Missa, Via Sacra pelas ruas da cidade

20:30h: Reunião com os coordenadores de Movimentos e Pastorais na Igreja Matriz

 

Dia 05 de Abril – Sábado

09:00h: Visita do Exmo. Sr. Bispo a alguns enfermos em suas casas

18:00h: Santa Missa no Ginásio do Dorense Clube com a aplicação do Sacramento da Crisma aos Jovens da Paróquia.

 

Dia 06 de Abril – Domingo

08:00h: Santa Missa na Matriz com a participação de Empresários

10:00h: Santa Missa e encontro do Exmo. Bispo com as crianças

15:00h: Encontro do Sr. Bispo com as Comunidades Rurais da Paróquia em São Sebastião de Campinas (Celebração da Santa Missa na Capela de São Sebastião)

19:00h: Santa Missa de Encerramento da Visita Pastoral (Abertura do Setenário das Dores)

 

Dores de Campos, abril de 2014

Pe. Paulo Marcelo Daher Gomes Filho – Pároco

mar 22

Programação da Semana Santa 2014

semanasanta2014Campanha da Fraternidade

Tema: “Fraternidade e Tráfico Humano”

Lema: “É para liberdade que Cristo nos Libertou” (Gl. 5,1)

 

De 06/04 a 12/04 – Setenário das Dores

18:30h: Confissões

19:00h: Missa e Setenário das Dores na Matriz.

 

13 de Abril – Domingo de Ramos

08:00h: Missa na Matriz.

10:00h: Benção e distribuição de Ramos, na Igreja do Rosário. Procissão Litúrgica de Ramos até a Matriz. À entrada da Procissão, Missa Solene.

17:00h: Missa Festiva de Páscoa das Crianças na Matriz.

19:00h: Missa na Matriz. Procissão do Depósito da imagem de Nosso Senhor dos Passos.

Obs.: Dia Nacional da Coleta da Campanha da Fraternidade.

 

14 de Abril – Segunda-Feira Santa

07:00h: Missa na Igreja do Rosário e logo após Rasoura de Nosso Senhor dos Passos.

09:00h: Missa para os enfermos e idosos. Celebração do Sacramento da Unção dos Enfermos.

19:30h: Procissão dos Passos saindo da Igreja do Rosário.

20:00h: Procissão de Nossa Senhora das Dores saindo da Matriz. Na Av. Governador Valadares, Sermão do Encontro, proferido pelo Revmo. Pe. Saulo José Alves. Na Matriz, Sermão do Calvário.

 

15 de Abril – Terça-Feira Santa

07:00h: Missa na Matriz.

18:00h: Celebração Comunitária da Penitência para casais e viúvos.

19:30h: Missa festiva da Páscoa dos casais e viúvos, na Matriz.

21:00h: Procissão do Depósito da imagem de Nossa Senhora das Dores.

 

16 de Abril – Quarta-Feira Santa

07:00h: Missa na Matriz.

09:00h: Rasoura de Nossa Senhora das Dores e Missa na Igreja do Rosário.

18:00h: Celebração Comunitária da Penitência para os jovens e solteiros.

19:00h: Missa festiva da Páscoa dos jovens e solteiros.

20:30h: Procissão da Soledade de Nossa Senhora.

 

17 de Abril – Quinta-Feira Santa

09:30h: Na Catedral do Pilar, Missa do Crisma.

16:00h: Celebração Comunitária da Penitência.

20:00h: Missa Solene da Ceia do Senhor, Cerimônia do Lava-pés, Transladação do Santíssimo Sacramento, Desnudação dos Altares e Adoração ao Santíssimo Sacramento até a meia noite.

 

18 de Abril – Sexta-Feira Santa

09:00h: Celebração Comunitária da Penitência.

13:00h: Via Sacra na Matriz.

15:00h: Solene Ação Litúrgica.

20:30h: Sermão do Descendimento da Cruz, proferido pelo Revmo. Pe. Rondineli Cristino, em seguida piedosa procissão do enterro do Senhor.

 

19 de Abril – Sábado Santo

09:00h às 15:00h: A Imagem do Senhor Morto ficará exposta à veneração dos fiéis.

21:00h: Solene Vigília Pascal.

23:00h: Procissão da Ressurreição.

 

20 de Abril – Domingo da Ressurreição

10:00h: Missa na Matriz.

11:00h: Batizados na Matriz.

16:30h: Missa Solene na Matriz. Em seguida, Procissão de Nossa Senhora da Glória. A entrada na Matriz, Benção Solene do Santíssimo Sacramento.

 

Pe. Paulo Marcelo Daher Gomes Filho – Pároco

mar 05

Campanha da Fraternidade 2014

CF2014

Na Bíblia encontramos uma página emblemática: o episódio da venda de José, filho do Patriarca Jacó. José foi vendido pelos irmãos, como escravo, a mercadores e levado para o Egito. Este texto nos ajuda a refletir sobre o tema da Campanha da Fraternidade deste ano. A Igreja, perita em humanidade, traz à baila este assunto complexo e desafiador: o tráfico de pessoas. A CF 2014 não quer somente que aprofundemos o tema, mas nos impele a  dar respostas concretas.

Este drama humano está em desacordo com o projeto de Deus, que é um projeto de vida para a humanidade. (Jo 10, 10) O objetivo geral sintetiza: Identificar as práticas de tráfico humano em suas várias formas e denunciá-lo como violação da dignidade e da liberdade humana, mobilizando cristãos e a sociedade brasileira para erradicar esse mal, com vista ao resgate da vida dos filhos e filhas de Deus”. Leia mais »

mar 05

O Amanhã

hoje

O ser humano contemporâneo

Corre

De um lado

Para o outro

Em busca

De realização

Pessoal

Profissional

Financeira

Poder

Fama

Sentido existencial

Mas

Nessa busca

Vive estressado

Deprimido

Angustiado

Ansioso

Esgotado

Pois o vazio

Jamais

É preenchido

Pois muitas vezes

As pessoas

São influenciadas

Pelo

Consumismo

Resultado do

Capitalismo selvagem

Que resulta

Em consumo

Desenfreado

De aparatos

Tecnológicos

Que são

Substituídos

Rapidamente por

Produtos

Descartáveis

Assim a corrida

Do ser humano

Fica sem valor

Pois esquecemos

De viver

O hoje

Sonhando

Com

Um futuro

Que pode

Ser interrompido

Por um acidente

Ou doenças

Então viver o hoje

É fundamental

Pois é algo

Mágico

Divertido

Instigante

Pois o futuro

É o mistério

Vislumbrado

Somente

Pelo criador

Do universo

DEUS.

 

“O hoje é a única certeza que temos, pois amanhã é outro dia”.

Sirlene Aliane

Gostaria de deixar aqui a homenagem para o

amigo professor Leandro Rezende

o “cara” que vivia o hoje com toda a intensidade.

Os grandes homens nunca morrem.

jan 24

Recomeçar

Morning Glory

Todo recomeço é

Permeado de desafios

Pois sendo

Mudanças positivas

Ou negativas

Necessitam de vários

Componentes

Essenciais:

Entusiasmo

Humildade

Paciência

Força

Coragem

Perseverança

Pois somente

Assim

O ser humano

Alcançará êxito

Em seu percurso

Existencial

 

As mudanças positivas

Trazem novas perspectivas

De futuro

Marcadas pelo gosto

Da vitória

De objetivos

Vencidos

E sonhados

Por um longo

Tempo

De dedicação

De empenho

E planejamento

Pois somente

A imposição

De metas

É responsável

Pelo sucesso

Recomeços sonhados

E planejados

São mais amenos

 

Mas os recomeços

Em situações

Negativas

São mesmo dolorosos

Pois a vida nem

Sempre proporciona

O que se sonha

Assim a

Humildade

Deve ser um

Ingrediente essencial

Para começar de novo

Em situações adversas

Inesperadas

Ou até mesmo

Antecedidas

De angústias

E decepções

Que somente

Serão amenizadas

Pela fé em um

Deus vivo

Que socorre

Seus filhos

Em momentos

De opressão e decadência.

 

“Recomeçar é sempre momento de reflexão e crença em Deus.”

Por Silene Aliane

dez 23

Pastoral da Criança X Sociedade São Vicente de Paulo X Missa da Família

Dezembro mês do advento, preparação da chegada do nascimento de Jesus, tempo em que a alegria, a esperança instantaneamente se faz presente nos corações de todos os dorenses tornando-os mais sensíveis à realidade dos menos favorecidos. É nesse mês que a beleza de nossa Igreja, femininamente Mariana, faz com que atendamos o chamado ao serviço e pronunciamos o “sim” tal qual ao pronunciado por nossa Matriarca querida, Maria, que nos permitiu Jesus, o mestre maior de nossas vidas. Nesse tempo forte Nossa igreja Católica, através de Pe. Paulo Marcelo, aconselhou a todos a realização da Novena de Natal e, consoante às reflexões ali inseridas, pudemos nos permitir uma assimilação aos nossos Santos, que nos deixaram um legado de gestos concretos no que tange à caridade. Leia mais »

Posts mais antigos «